acima: choker com pedra, criação de Thera Atelie

Se prepara: nesse post vou compartilhar dicas preciosas sobre OFERECER PEÇAS EM LATÃO BRUTO.

Muitos criadores estão se voltando para essa possibilidade e há uma discussão enorme sobre o assunto: Vale a pena? Tem mercado interessado? Quais as técnicas necessárias para confeccionar as peças? Como orientar o cliente final em relação aos cuidados pós-aquisição?

De alguns anos para cá, tenho visto cada vez mais peças sem banho. E tem muito designer por aí criando peças únicas, conseguindo cobrar valores mais altos e ainda agregando valor visual e de marketing ao próprio produto. O apelo ancestral (volta às origens dos adornos humanos) está em alta e segue crescendo.

A sociedade também discute sobre os LIMITES da mineração de metais preciosos – que mata, marginaliza e emprega em condições vis. Essa vem sendo a reflexão de muitos criadores da nossa cadeia de acessórios.

E falando francamente sobre CUSTOS:  eliminar a etapa do banho é um alívio financeiro muito significativo. E a razão é só uma: o valor do ouro e de outros metais preciosos está subindo dia a dia e dificilmente vai baixar.

pingente Sohofinds e jogo de pulseiras Luv Handmande XoXo

Só para baixar custos?

Mas oferecer peças sem banho exclusivamente por conta de custos não é boa ideia: nem todos os públicos gostam desse tipo de acabamento na peça!

Apenas escolha trabalhar com metais sem banho se isso fizer parte do DNA da sua marca. Estudar o comportamento do seu cliente é essencial e nem sempre o seu público está preparado para comprar esse tipo de peça.

Bom, então vamos aos pontos positivos e negativos (na minha visão, claro):

 

VANTAGENS DE PEÇAS SEM BANHO

Não há perda de garantia: se você ensinar o cliente a fazer a limpeza corretamente, a peça dura para sempre! Já nas peças banhadas (joias folheadas), por melhor que seja o banho, depois de alguns anos ou décadas a peça vai inevitavelmente descascar ou riscar. Isso porque o processo de Galvanoplastia aplica uma CAMADA sobre peças de metais não nobres. E essa camada pode sair.
Já nas peças de metal puro (latão, cobre, bronze, etc…) uma limpeza bem feita consegue recuperar o brilho e retirar pequenos riscos.

→ Possibilidade de “embalar” o produto como arte, lembrando peças ancestrais, antigas e cheias de significado.

→ Aplicar processos & técnicas de alta joalheria e assim, conseguir personalizar 100% cada peça e cobrar um valor mais alto e equiparado ao trabalho que toda peça handmade dá.

→ Redução de custo de produção da peça (pois dispensa-se a etapa da Galvanoplastia)

 

DESVANTAGENS DE PEÇAS SEM BANHO

→ Processos que envolvem solda precisam ser repensados, pois a solda deixa rastros de cores diferentes, geralmente acinzentados ou prateados (tanto no latão quando no cobre) e, apesar disso poder ser admitido como escolha de design, nem todos os clientes enxergam assim.

→ Difícil entrada em mercados mais tradicionais ou com pessoas muito acostumadas com joias folheadas convencionais. Pense bem no público que você já tem e avalie se vale a pena.

→ Aquele olhar de “Mas porquê custa tão caro se nem banho tem?” que em algum momento você vai ouvir. A saída? Educar o cliente, transformar a peça em obra de arte aos olhos dele, mostrar o valor de se ter uma peça assim.

→ O latão, apesar de não causar alergias, é um metal que naturalmente escurece em contato com a pele humana. Então, é necessário ensinar o cliente a limpar.

Inclusive esse é um dos motivos de eu estar escrevendo esse post ♥

pingente Stuff made from Things

Limpeza de acessórios em latão: veja dicas

Uma das maiores dúvidas em relação à acessórios de latão é: como manter a peça de latão douradas e brilhantes?

→ limpeza mais leve: com pincel ou flanela de algodão

Caso seu cliente relate apenas sujidades comuns do dia-a-dia, um jeito de limpar é usando um pincel limpo ou flanela de algodão comum.

→ limpeza mais pesada: com o lado grosso da esponja de cozinha

Esse é um jeito que a designer e professora Katia Pleszko usa para limpar e ao mesmo tempo fosquear (conferir aspecto lixado) às suas joias em latão puro.

Na montagem abaixo, note as 2 chokers criadas por ela (penúltima e última foto): uma delas é fosca e outra é lisa.

A aparência lisa (que dá até para confundir com ouro!) é feita com produtos químicos, veja abaixo.

→ limpeza mais pesada: com Brasso ou Kaol

Esses produtos são alternativas de limpeza para quando a peça estiver escurecida ou mais suja.

O Brasso é facilmente encontrado em supermercados e usado para limpar prataria e produtos cromados – leia todas as indicações de uso no rótulo. O Kaol também se acha fácil, entretanto esse último é geralmente mais barato que o Brasso.

É possível utilizar os dois produtos na limpeza técnica no seu atelier assim como indicar para que a cliente final higienize suas peças prontas após algum tempo de uso.

como fazer: por @alinetl da Tam.Lo:

Você precisará de:
→ Retalhos de tecido de algodão limpo (preferencialmente separados apenas para esse uso)
→ Água corrente
→ Luvas
→ Papel toalha (opcional)

Modo de fazer:
→ Deposite um pouco do líquido (Brasso OU Kaol) no tecido de algodão e esfregue suavemente na peça;
→ Faça isso até que a cor fique mais clara (no tom desejado);
→ Evite passar nas pedras, cristais, pérolas, ou qualquer outro material que não seja metal;
→ Lave em água corrente;
→ Seque bem (com um retalho de algodão seco OU com papel toalha limpo)

Pronto, a peça ficará brilhando! Clique na imagem abaixo e assista ao vídeo para ver as etapas:

Aplicando verniz para conferir brilho e proteção às suas criações em latão

Se você pretende criar peças em latão bruto, há uma alternativa para dar acabamento mais refinado nas suas criações: aplicar verniz Acrilfix da ACRILEX, disponível em acabamento Matte (fosco) ou Brilho.

Entretanto, caso a cliente precise efetuar uma limpeza química na peça (utilizando Brasso, Kaol ou qualquer outro produto) , não será possível aplicá-lo por cima do verniz Acrilfix: a limpeza com produtos químicos pode retirar partes do verniz Acrilfix, o que vai deixar a peça manchada.

Como conseguir um acabamento lixado nas peças em latão bruto

Para ter aspecto lixado na peça, utilize limas ou lixas comuns (lixas d´água, 120 ou qualquer lixa que tiver à mão: teste e veja se o efeito é o que deseja!)

Como já listado acima, também é possível utilizar o lado mais grosso da esponja de cozinha, que geralmente é o verde. Essa é uma idéia da prof. Katia Pleszko (veja fotos acima)

O mais bacana: diferente de quando lixamos e enviamos a peça para a galvânica, a peça em latão bruto lixada já terá o aspecto final.

Para quem não sabe, o processo galvânico acaba diminuindo o efeito lixado, pois confere nivelamento às peças em latão. Isso não vai acontecer caso você ofereça as peças no latão bruto.
brincos Antrophologie

Mais a fundo sobre a composição do latão

O latão é uma mistura de dois outros metais: Cobre e Zinco. É uma liga metálica antialérgica por definição, porque o cobre e o zinco não costumam causar alergias à pele humana.

A cor do latão é a dourado “envelhecido”, admirada por muitos designers e clientes.

A  limpeza costumar deixar o metal ainda mais claro e brilhante, sempre retornando à sua cor original.

O uso contínuo e a ação do tempo faz com que o latão escureça (oxide) naturalmente.

Mas é importante que você saiba: latão não enferruja! A oxidação normal do metal pode sempre ser removida através dos processos de limpeza listados acima.

Para casos de oxidação avançada (em joias guardadas por muitos anos), faz-se necessária a limpeza mecânica. Esse trabalho pode ser feito com motores de bancada com lixas rotativas acopladas: você pode inclusive oferecer esse serviço no seu atelier/fábrica.

O verniz protege o latão para sempre?

Não! O verniz protege por um tempo. Mas a peça de latão sofre processo de oxidação por baixo da camada de verniz, tornando impossível sua limpeza. Para polir uma peça envernizada será necessário um tratamento químico para remoção do verniz e isso só pode ser feito por mão de obra especializada.

O latão pode ter contato direto com a pele humana?

O comportamento do latão direto com a pele é muito parecido com o da prata: a peça escurece. Mas não há prejuízo para a saúde humana: cobre e zinco não costumam causar alergias na maioria da população.

A vantagem de se criar peças em latão bruto é que, como dito no início do post, sempre há a possibilidade de fazer a limpeza de forma simples e caseira.

A frequência necessária da limpeza muda de cliente para cliente e temos que levar em consideração: maresia, nível de umidade natural do ambiente, nível de sudorese de cada pessoa, jeito de guardar as peças, etc.

O latão é um metal extremamente durável e acompanhará você por toda vida com certeza!

brincos: Cano Fashion (na modelo) e Antrophologie

Maria, e onde eu compro acessórios em latão para criar?

Meu amor, você tá no lugar certo! Aqui na Sueli Renê, fabricamos uma infinidade de produtos feitos de tubos e fios, tudo em latão bruto.

Além de peças pequeninas com seções redondas, quadradas e muuuuitas outras, também oferecemos a choker prontinha para facilitar!

Visite nossa LOJA ONLINE ♥

Para comprar chapas e tarugos de latão, entre em contato com a Casa da Boia ou com a Central de Metais, as duas ficam em São Paulo, capital. Não são especializadas em acessórios & joias folheadas, mas oferecem produtos que podem servir para suas criações!

Outros links com informações sobre o tema

Aqui nesse post da Greta Ateliê tem outros modos de limpar o latão (ideal para peças feitas apenas com o metal)

Se você lê em inglês, vale a pena ler esse artigo aqui, com as 6 razões pelas quais você se tornará um fã do latão.

Ainda em inglês, aqui tem outro jeito de limpar acessórios em latão bruto.

colar Sta Maria Casa

Espero que esse conteúdo possa auxiliar você e sua equipe na hora de criar e oferecer peças em latão puro para seu cliente. Qualquer dúvida, me escreve: maria@suelirene.com.br ou deixa sua dúvida nos comentários desse post que te respondo assim que possível!

psiu: pode usar os textos que escrevi aqui para ensinar o seu cliente a melhor forma de limpar/usar as peças de latão bruto que você cria ♥ 

Pin It on Pinterest